domingo, 27 de junho de 2010

entre o frio e o quente .

Ele olhou pro relógio sem qualquer empolgação de adivinhar as horas, sem mais, sem menos, simples e sem porquê. Ele já perdeu o interesse nas coisas poucas da vida, três ou seis, qual seria a diferença para uma mente que não pensa, não sente, nem vê? E pra quê um porquê? Um porquê sem razão? E eu me perguntei imediatamente "para quê a razão sem a emoção?" Hein meu caro? Diga lá o Doutor, diga pra quê ser tão frio? Pois bem, eu sabia, sabia que me o senhor me enrolaria e no final não diria nada, nada mais do que palavras rebuscadas que não chegam à lugar algum, palavras complexas de uma mente culta, uma mente sã.
No final, sabemos todos, só gostamos de esconder que a emoção move a gente, sem ganhar ou perder, com palavras simples, gestos fáceis, pra qualquer um entender.

quarta-feira, 23 de junho de 2010

mil palavras 3

olá leitores!
venho aqui compartilhar um poema que me faz chorar, me faz lembrar, me faz sorrir. não sei o por quê, mas desde o momento que o li pela primeira vez só consigo achá-lo cada vez mais lindo. e o assunto ? se tratando de mim, só podia ser o amor. espero que gostem!

"Ah, se já perdemos a noção da hora
Se juntos já jogamos tudo fora
Me conta agora como hei de partir

Ah, se ao te conhecer
Dei pra sonhar, fiz tantos desvarios
Rompi com o mundo, queimei meus navios
Me diz pra onde é que inda posso ir

Se nós nas travessuras das noites eternas
Já confundimos tanto as nossas pernas
Diz com que pernas eu devo seguir

Se entornaste a nossa sorte pelo chão
Se na bagunça do teu coração
Meu sangue errou de veia e se perdeu

Como, se na desordem do armário embutido
Meu paletó enlaça o teu vestido
E o meu sapato inda pisa no teu

(...)

Não, acho que estás te fazendo de tonta
Te dei meus olhos pra tomares conta
Agora conta como hei de partir."

Um brasileiro de Hollanda




Olá meus amores, eu sei que estou hiper atrasada, mas hoje eu encontrei um tempo e não pude não passar aqui, sábado passado, dia 19, o meu (e do Brasil inteiro , rá), o nosso querido Chico, completou seus 66 aninhos, de puro samba e história, sem dúvidas .
Pelo pouco que conheço de suas músicas, de suas obras, peças, livros, aplaudo e admiro, não sei se já comentei sobre Chico aqui, mas está em boa hora, comecei ouvindo em casa, ainda pequena (tá, sou pequena, ignorem), e não parei mais, música boa, não tem volta, e que bom que não tem .
Além de encantar com seus olhos e seu charme, o brasileiro de Hollanda encanta com o que fez e continua fazendo, Francisco Buarque sempre bebeu das melhores fontes, e da junção de experiência, dom, talento, com as influências, não pôde sair coisa ruim, desde seu modo de pensar, textos, livros, peças, músicas e mais .
Chico para mim é uma referência musical, eu e metade dos brasileiros o conhecemos pelo seu samba, pelas suas letras mágicas e melodias empolgantes .
Enfim, fiz esses pequenos parágrafos ouvindo 'essa moça tá diferente', 'eu quero um samba', ' sonho de um carnaval' , e vários outros sambas felizes do mestre, sou uma mera fã com idade pra ser neta do sujeito, o que prova , mais uma vez , que música (boa) não morre, nem envelhece .
Só li dois romances dos quatro publicados por ele, Leite Derramado e Budapeste, os dois últimos, não asseguro os outros, mas esses, acredite, são impecáveis, as peças também estão aí, bem acessíveis como Ópera do Malandro, Calabar, entre outras.
Um parabéns gigante, e um beijo enorme.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

patriotismo pra quê ?


Olá bloggers , estava com saudades de jogar letras nesse espaço branco que me concederam , mas eu andava meio desligada e estudando , ainda está corrido e , não sei por quais cargas d'água estou totalmente fora de órbita , sem imaginação e criatividade .
Hoje porém , revoltada com alguns 'sentimentos' que a copa do mundo aflora , resolvi fazer um pequeno post.
Patriotismo , nacionalismo , pra que te quero ?
Não sou extremista mas por tudo que já escrevi aqui , deu pra perceber que eu sou sim nacionalista , e ver pessoas torcendo pra Itália , Alemanha , Estados Unidos e Inglaterra é algo , ao menos para mim , no mínimo curioso .
As pessoas trocam governo com pátria , nacionalidade amor de brasileiro com sei lá o quê , uma ponte bonitinha , um país bem desenvolvido com jogadores bonitinhos , e eu realmente não sei o porquê disso tudo , acho a coisa mais estranha ser brasileiro e falar que tá torcendo pra Alemanha , por exemplo , é o seu país , você não é Alemão , Coreano , Norte Americando ou qualquer coisa do gênero , aí me vem o que eu sempre aprendi e guardo comigo , 'é o meu país , pode ser a piorrrrrr seleção , a pior escalação com o técnico mais mal feito , eu vou torcer por ele ' , afinal pra mim , o que ganha além de bons passes e gols , é a torcida , é a raça , pra mim é essa a palavra que define o futebol , pode perder , mas perder com raça é bonito , perder com amor , com um espírito de brasileiro ,
enfim , eu acabo por aqui , foi só um lugar pra explodir mesmo .
"Sou brasileiro,tô numa boa , meu sorriso é meu dinheiro , sou poeta e nasci no Rio de Janeiro. "
beijinhos !

quarta-feira, 9 de junho de 2010

e o dia dos (sem) namorados ?


Hello peixinhos! Primeiramente agradecendo à Lu b. pelo post de aniversário, amo você minha linda!
Então meu povo, esse sábado, dia 12, é valentine's day, uma data fofinha para os que comprometidos e um pesadelo (ou não) para os solteiros. Confesso que eu, particularmente, estou me sentindo estranhamente incomodada por esse tal dia dos namorados, sozinha como estou, fico naquela melancolia que dá ao passar aqueles filmes do tipo "Diário de uma Paixão" e derivados na tv, naqueles momentos que você se pergunta: "cadê o meu amor ?".

Como para toda regra tem uma exceção, tem aqueles solteiros assumidos, que só querem curtir, conhecer gente e se der na telha firmam uma relação, mas se não rolar nada ficam super na boa. Tenho invejinha deles! Deve ser mais fácil sair pra curtir, não para ficar procurando o amor da sua vida, bom, eu acho né.

Mas caindo na real, eu acho que toda essa coisa de um dia reservado para os namorados é puro jogo de marketing pra fazer as lojas lucrarem com essa "obrigação" que os casais sentem de trocarem presentes. Presente sempre é bom, porém uma cartinha, um poema, uma música dedicada que seja é muito mais valiosa, com muito mais significado.

Então, nem lá nem cá, com ou sem, eu desejo pra vocês um ótimo dia dos namorados! Se você não tem um, reúna os amigos que também não têm e saia, vá se divertir, ficar em casa é que não dá (ainda mais com essas programações especiais podres de tv para dia 12). Se você está no clima com seu par, mas ainda não firmou nada, é hora de parar e pensar, quem sabe uma surpresa não caia bem hein ? Ah, e claro, pros comprometidos, muitos momentos lindos e inesquecíveis para você e seu parceiro!

E você ? Como vê e vai passar o valentine's day ?
beijon

Beijon

PS: o post ficou sem pé nem cabeça, meio decadente, mas minha criativade está realmente em falta, foi o que deu '-'

quarta-feira, 2 de junho de 2010

HAPPY B-DAY MM !


Olá meus caros , hoje a passagem é rápida , mas é uma data importante , nossa querida mm! está fazendo 14 aninhos , wee ! estou ficando pra trás , haha .
Marina Mairos linda , eu desejo hoje , tudo de bom , que você passe por cima de todos os seus problemas , e com relação ao principal deles ( eu acho ) que você veja que ele é um crianção e que você merece um homem né , morena ! Marcelo disse um dia que tudo passa , e é assim mesmo , põe fé , segue em frente , luta , consegue , desiste , vai pra outra , vence , perde , chora e ri , a gente é assim , não é mesmo ? continue sendo essa pessoa maravilhosa que você é , faladeira , muitos semestres da cultura virão , e vamos estar lá , together again , parabéns novinha de 14 , você merece TUDO de bom .
beijos da lu que te ama tanto !
" andar com fé eu vou , que a fé não costuma falhar "